Tratamento: Desenvolvimento Generativo

Publicado em: 17/12/2020

Você sente-se “amarrado” nas situações profissionais, sem a capacidade de inovar ou criar soluções para os problemas do dia a dia — muito embora se repitam, vez após a outra? Além disso, em sua vida pessoas, você quer e ainda assim não consegue dar um passo além? As coisas estão estagnadas e você, em todas as esferas da vida, não consegue evoluir? Talvez seja hora de conhecer o potencial da Mudança Generativo.

Parte de programas de PNL de terceira geração e da Terapia de Transe, o Desenvolvimento Generativo pretende criar algo novo, que saia da mesmice.

Busca, portanto, ir além do lugar-comum para encontrar respostas e soluções inovadoras para as pessoas em seu âmbito pessoal ou profissional.

Entenda tudo sobre o Desenvolvimento Generativo e como ele pode impactar na sua vida e no seu trabalho, sendo o propulsor de mudanças incríveis!

O que é o Desenvolvimento Generativo?

O Desenvolvimento Generativo busca colocar a pessoa em um local mental conhecido como “estado generativo”. Essa é a fonte da alta performance, identificável por exemplo em um atleta ou artista que tem um desempenho de alto nível. Ele pode ser atingido tanto consciente, como inconscientemente.

Afinal, pense bem: a nossa realidade é feita com base no que?

Para muitos, com base em seus mapas mentais.

Uma união do estado físico e emocional da pessoa, que determina quais mapas mentais são acessados na hora de enfrentar quaisquer tipos de situações, das mais brandas às mais críticas.

Em certos momentos de vida, é comum nos encontrarmos tensos. O estresse e as preocupações tomam conta da nossa mente, o que limita nosso potencial criativo. Nesses momentos, as pessoas se encontram reativas, dispersas, por isso, fora de prumo.

Porém, quando em um estado mais centrado, de mente aberta e consciente de tudo (físico e emocional), a pessoa entre no estado generativo.

É aí que a pessoa é capaz de entrar e explorar um novo mundo de possibilidades, com infinitos recursos, criando mapas mentais inovadores e, portanto, soluções incríveis para qualquer situação do dia a dia.

O Desenvolvimento Generativo busca justamente ativar esse estado, conectando a 3 campos mentais:

  • A mente cognitiva: responsável por pensar, raciocinar, planejar e direcionar as ações.
  • A mente somática: que entende os sinais do próprio corpo e responde a eles, como sensações diversas, calafrios, frio no estômago, etc.
  • E um terceiro campo, de energia quântica: que conecta a todos, levando em conta contextos como nossa história, nossos ancestrais e seus aprendizados.

Ao atingir o Desenvolvimento Generativo, esses três campos mentais se relacionam de forma bastante harmoniosa, potencializando a capacidade de desempenho de cada um.

Como surgiu?

Foi através dos professores Robert Dilts e Stephen Gilligan, que se conheceram na década de 1970 no curso de Psicologia na Universidade da Califórnia.

Eles procuraram, então, entender o desenvolvimento humano e como influenciá-lo a partir de práticas neurolinguísticas, auxiliados pela filosofia de Milton Erickson, considerado por muitos o “pai da psiquiatria moderna”.

A partir de lá, estudaram e evoluíram suas teorias, chegando no conceito de Desenvolvimento Generativo tão conhecido hoje.

Como é realizado o Desenvolvimento Generativo?

O processo de Desenvolvimento Generativo tem início com a definição de um objetivo claro, direto e positivo. Algo que, em essência, conecte os três campos mentais mencionados.

Importante lembrar que esse objetivo pode ser tanto algo pessoal, profissional e mesmo corporativo, que valha para um setor inteiro, por exemplo.

A partir de então, há o entendimento de que os possíveis e prováveis obstáculos na concretização desse objetivo não são, de fato, um dilema. Além disso, o processo de Desenvolvimento Generativo busca criar o entendimento de que os obstáculos fazem parte dessa jornada, se integram à ela.

Ao acolher, portanto, esses obstáculos, a pessoa tem o entendimento do que está por trás dele. Essa é a mentalidade integral do Desenvolvimento Generativo, de reconhecer que nos obstáculos moram as respostas para sua resolução — e pílulas de experiência essenciais para seu avanço ao estado generativo.

Com isso, consegue flexibilizar e dinamizar seu poder de pensamento, compondo uma intenção clara de como avançar pelo obstáculo e ir de encontro ao objetivo.

Esse processo leva em conta tanto os obstáculos previstos como os imprevistos, procurando fortalecer um senso de adaptação nas pessoas.

Na sessão, o Desenvolvimento Generativo é estimulado através de conversa entre o terapeuta e o cliente, buscando justamente ativar esses campos mentais, entender os gatilhos por trás deles e gerando essa compreensão acerca dos obstáculos.

Quais os benefícios do Desenvolvimento Generativo?

Ao realizar seu Desenvolvimento Generativo, a pessoa é capaz de expandir aquilo que, durante muitos anos, acontecia apenas em frações de segundos: a hora da inspiração, da alta performance, o estado generativo.

Com isso, a pessoa se torna muito mais criativa, atenta e consciente das coisas que o cercam. De certa forma, promove uma maneira calma de encarar os conflitos do dia a dia, não simplesmente colocando o lado racional na frente do emocional, mas equilibrando-os na medida certa.

Trata-se de um processo que visa o acesso à mente e aos seus recursos infinitos.

Com isso, é possível evoluir em todas as esferas da vida.

E você, quer saber mais sobre como eu conduzo do processo de Desenvolvimento Generativo com meus cliente e como pode ser incrível para você? Agende um horário comigo!

Ah, e continue lendo os posts do blog para aprender mais sobre as práticas de desenvolvimento mental, redução de conflitos e caminhos para uma vida mais equilibrada.

Posts Relacionados

Informações Gerais

Localização

R. João Planincheck, 1990 – Sala 611 – Jaraguá do Sul, SC

Horários de Atendimento

Segunda a Sexta-feira:
8h30 às 18h30

Por Josiane Ferreira

Trabalho com terapias e serviços personalizados de transformação para pessoas, famílias e empresas, e também para aqueles que acreditam na própria evolução, tudo é possível através da nossa capacidade humana de generatividade.
i

Leia Também:

Pensamento Sistêmico Complexo: Como a vida é uma troca?

Pensamento Sistêmico Complexo: Como a vida é uma troca?

Vamos falar sobre um tema que envolve o chamado Pensamento Sistêmico Complexo: o fato de a vida ser uma troca. Sim, quer queiramos ou não, a vida é uma constante troca. Aliás, o universo inteiro é troca. A questão aqui é entendermos que essa troca precisa ser justa e...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *